Olá pessoal,
Para esta postagem entrevistei a nova autora parceira do blog, Mari Sbravatti, que recentemente publicou seu primeiro livro de crônicas "Batom, motos e outras conversas". Em breve vou fazer a resenha do livro dela aqui no blog, mas enquanto isso vocês podem conhecer um pouquinho sobre a autora com estas perguntas que preparei! Espero que gostem.


Sinopse oficial: Não apenas uma coletânea de crônicas que vai desde o universo feminino até o mundo do motociclismo, mas principalmente crônicas para reflexão sobre seus diversos temas.
Neste livro a autora busca compartilhar de uma forma leve, divertida e algumas vezes até mesmo dramática, histórias de todos os gêneros e suas experiências na vida real, no mundo virtual, no mundo afetivo, nas estradas, entre amigos, com a família e tantas outras.
Para “meninos e meninas” de qualquer idade, Batom, motocicletas e outras conversas...




Manu (Miss Sorrisos):  Qual foi o momento da sua vida que você percebeu que queria ser escritora? Como isso aconteceu?

Mari Sbravatti: Eu sempre gostei de escrever. Na minha juventude, eu queria muito cursar jornalismo. Mas como morava numa cidade do interior, com um mercado de trabalho muito restrito nesta área, fui totalmente desistimulada. Aos 18 anos, quando ingressei na faculdade, tentei encontrar uma opção mais viável, mas diretamente relacionada à leitura e a escrita. Foi quando escolhi o curso de direito. Mas a escrita sempre estev em mim. Desde pequena e adolescente, quando escrevi um conto na extinta revista QUERIDA.

Manu (Miss Sorrisos): O seu livro têm muitas crônicas sobre o cotidiano. Como surgiu a ideia de cria-las?

Mari Sbravatti: Antes do surgimento do Facebook, eu mantnha um Fotolog. E não conseguia simplesmente postar fotos. Para cada foto havia uma história, uma crônica, uma reflexão. Naquela época comecei a escrever com mais sentido crítico e as pessoas começaram a estimular com que eu guardasse as crônicas para juntar uma coletânea para o futuro.

Manu (Miss Sorrisos): Porque do titulo "Batom, Motocicletas e outras conversas"?


Mari Sbravatti: O nome "Batom, motocicletas e outras conversas" é uma espécie de analogia a respeito do conteúdo do livro: 105 crônicas que caminham do cômico ao dramático, que abordam 105 temas diferentes da nossa vida cotidiana, e que portanto podem falar desde o batom até às motocicletas. Ou seja, sobre quase tudo.

Manu (Miss Sorrisos): Quais são suas maiores inspirações para escrever?

Mari Sbravatti: Não consigo definir exatamente uma fonte de inspiração porque cada um dos meus textos surgiu de um fato diferente. Uma história que tenha acontecido comigo, com algum amigo, ou até com um desconhecido. Uma notícia na TV, um filme, um debate que está na mídia, minha predileção pelas motocicletas e minhas histórias na estrada. Também adoro falar sobre relações. De amor, de amizade, de trabalho, de consumo. Qualuqer coisa que me chamea atenção para desenvolver uma ideia, vira uma crônica ou um conto.

Manu (Miss Sorrisos): Quais são seus autores e gêneros literários favoritos? Você se inspirou em alguns neles?

Mari Sbravatti: Com relação às crônicas, sempre me inspirei em Danuza Leão, Martha Medeiros e Luis Fernando Veríssimo. Sou apaixonada por crônicas. Mas também adoro um bom romance água com açúcar, livros com temas polêmicos e dramas policiais.

Manu (Miss Sorrisos): A mensagem de que o mundo pode ser visto de uma forma incomum. Que situações complicadas podem se transformar em divertidas. Que pode existir uma alternativa impensável. Enfim, considero a minha maneira de ver o mundo um pouco incomum, e graças a isso resolvi muitas questões existenciais. Gostaria que as pessoas pudessem conhecer um pouco o outro lado da moeda. Que se divertam também com as crônicas engraçadas e que principalmente jamais se desestimulem de seus sonhos e projetos.

Queria agradecer á autora e parabenizar pelas ótimas perguntas!
Se você ficou agora com vontade de ler o livro, é só ir agora na Saraiva (já está disponível em formato digital) e se encantar com as crônicas dela! (Link)

Se quiser saber mais sobre a autora, visite a fan-page (link) e fique de olho no blog, sempre vai ter mais noticias aqui sobre os autores parceiros e seus lançamentos!




3 Comentários

  1. Adorei a entrevista! Sempre é bom conhecer uma escritora nova (e ainda por cima brasileira!!). Não sou muito fã de crônicas mas adoraria ler esse livro pelo entusiasmo pelo qual ela demonstrou.
    http://www.livroselinhas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vitória! Que bom que gostou da entrevista. As crônicas realmente não são 100% aceitas. É um estilo literário diferente, e à princípio, não muito atrativo. Mas é um estilo de livro perfeito, por exemplo, para levar numa viagem. Ou então para ler enquanto você está lendo um outro. Você não precisa ler na sequência, pode escolher a crônica de acordo com o seu humor do dia. E tenha certeza, se você ler um tempo depois a mesma crônica, talvez dê uma interpretação diferente. Como autora, você pode pensar que estou vendendo meu peixe. Mas sempre estou com um livrinho de crônicas no meu tablet ou no meu celular. Eles me ajudam muito numa sala de espera de médico, de aeroporto e até em fila de banco! Adoro Martha Medeiros, Danuza Leão, Lya Luft, Luis Fernando Veríssimo. E espero que você também goste do meu primeiro livro, porque tem novidades vindo por aí. Bjks. Mari Sbravatti.

      Excluir
  2. Olha eu gosto de tudo, mas tenho mais carisma por poemas e versos :]

    ResponderExcluir